Rede BHL SciELO

A Rede BHL SciELO tem por objetivo fortalecer e ampliar a publicação e o acesso aberto online à informação científica relevante em biodiversidade. Opera em três dimensões:

  1. Rede de instituições e indivíduos que participam e contribuem como produtores, intermediários e usuários de informação científica em biodiversidade.
  2. Rede de conteúdos organizados na forma de fontes de informação, que compreendem os produtos, serviços e eventos operados pela rede de instituições e indivíduos.
  3. Rede de ambientes aprendizes e informados, que compreende os contextos institucionais e interinstitucionais, baseados no intercâmbio de ideias, experiências e conhecimento, com vistas a fortalecer a contextualização de informação e conhecimento em biodiversidade.

A BHL SciELO integra as redes SciELO e BHL (Biodiversity Heritage Livrary). Seu desenvolvimento e operação tiveram início e está sendo implantado no Brasil por meio de dois projetos complementares financiados por um Programa Especial da FAPESP e pelo Programa Probio II/GEF do Ministério do Meio Ambiente. Primeiramente, o Projeto Digitalização e Publicação Online de uma Coleção de Obras Essenciais em Biodiversidade das Bibliotecas Brasileiras e o segundo, o Projeto SciELO Biodiversidade. Ambos os projetos contam com o apoio e auxílio financeiro do Ministério do Meio Ambiente (por meio do Probio II/GEF), da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo – FAPESP (por meio do Projeto SciELO, e com a participação da Biblioteca Virtual FAPESP, Programa BIOTA/FAPESP), pela Fundação Biblioteca Nacional, pela BIREME/OPAS/OMS, pelo Museu de Zoologia da USP e representantes da Rede de Bibliotecas Brasileiras em Biodiversidade.

O desenvolvimento da Rede BHL SciELO conta com um marco de gestão e operação  que é conduzido por meio das seguintes instâncias:

    Os comentários estão fechados.